Governador anuncia antecipação do 13º salário para o dia 18 de outubro

Com a antecipação do 13% salário serão injetados R$ 200 milhões na economia piauiense.

Em coletiva de imprensa, o governador Wellington Dias (PT) e o secretário Estadual de Fazenda, Rafael Fonteles anunciaram a antecipação do pagamento da segunda parcela do 13º salário para o dia 18 de outubro. O anúncio aconteceu no Palácio de Karnak

É uma medida importante para a recuperação da economia, já que terá recursos circulando. Temos uma inflação recorde e a antecipação de recursos diminui os efeitos desse processo inflacionário e aguardamos medidas do governo federal”, disse Rafael Fonteles

Durante o anúncio, Rafael Fonteles informou também que equipe econômica estuda a antecipação da tabela de pagamento de 2022.

O pagamento da segunda parcela do décimo estava previso no calendário para o dia 18 de dezembro, antecipando dois meses.

O secretário de Fazenda, Rafael Fonteles pontuou que com a antecipação serão injetados na economia do estado R$ 200 milhões. No estado, são mais de 95 mil servidores ativos, aposentados e pensionistas.

O gestor disse que o recurso visa reduzir os efeitos da alta na inflação e cobrou medidas do Governo de Jair Bolsonaro (sem partido).

A primeira parcela do 13° salário tem sido paga na data do aniversário do servidor.

Em meio e essa situação grave do País, com inflação elevada, descontrole inflacionário, com crescimento de demanda na saúde, essa medida dará impacto nas pessoas de baixa renda”, disse o governador

Wellington Dias lembrou ainda que há 17 anos lançou a tabela anual de pagamento e apostou no equilíbrio financeiro ao longo dos anos. Dias lembrou que o estado melhorou no ranking de competitividade, subindo seis casas, sendo destaque nacional.

De acordo com o governador, a tendência é de melhorar ainda mais. “Estamos trabalhando no sentido de antecipar o calendário de pagamento ainda mais, vamos prosseguir nesse caminho já que estamos organizando e modernizando o estado, e temos capacidade de investimento”.

Medidas para o agronegócio

O governador também comentou sobre as medidas previstas para o agronegócio e citou a viabilidade de condições de crédito. No entanto, não adiantou valores.

O objetivo é garantir condições de crédito, ao mesmo tempo assistência técnica e essa é a novidade: inovação. Estamos saindo daquela fase onde se criava os animais no mato e de criação extensiva, tendo a importância do nosso vaqueiro. Agora, estamos melhorando tanto a condição de produção de grãos, frutas e essa área animal. Nossa equipe da ADAPI, que garante o controle, e dessa forma e tudo isso garante a ter preços melhores”, pontuou.

LEIA TAMBÉM

Deixe um comentário

14 − cinco =